O piano muda

O piano muda nos ventos
o aroma das palavras
esquecidas nel tempo.
Elas brigam, procurando
trazer os momentos
quando teus olhos
cantavam aos beijos:

“Deixa-me escrever
com teu coração o vento
namorado da vida,
para lembrar o eterno
aroma do amor
que nós agora temos”

Hoje, eu lembro tuas palavras…
Escuto o piano nel tempo,
olho no mar de teus olhos,
novas palavras escrevo
porque nosso amor fala hoje
e canta, quando eu lembro
o aroma de último beijo,

o beijo suave, namorado,
quando estava amanhecendo.

Anuncios

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión /  Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión /  Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión /  Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión /  Cambiar )

Conectando a %s