Cantar 35

As palavras do vento procuram
alcançar o coração.

Namoradas, elas pesquisam
cada sonho do violão,

para deixar nos ouvidos
as rimas da vibração

que eu somente escutei
nas letras da tua canção…

issa canção dos princípios,
quando o mar sempre falava

nos sons de cada ola,
nos versos que nadavam

e nas ardentes poesías
escritas pela tua alma.

E agora elas sempre moram
criando novas palavras

para te amar além da pele,
onde as mãos sempre falam

como falam os teus olhos
uma odisseia de palavras,

cruzando do vento os caminhos
onde as artérias fogo acham.

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Salir /  Cambiar )

Google photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google. Salir /  Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Salir /  Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Salir /  Cambiar )

Conectando a %s