Falar-nos hoje

Falar-nos hoje, é um novo poema.
Ontem, um sonho foi,

quando os caminhos da vida
não tinham se cruzado.

Tu eras o poema desenhado
pela lua e a su canção,

a esperança escrita
nas luzes da noite,

testemunhas das perguntas
feitas ao céu: São elas

o jardim onde escrevi as visões
da paisagem imaginária

nascida no coração dos poetas,
imagens ao mundo trazidas

quando o amor une os caminhos
e faz mistérios e milagres.

Falar-nos hoje, o meu amor,
é a realidade do novo poema,

o infinito abraço
de dos amantes corações.

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión /  Cambiar )

Google photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google. Cerrar sesión /  Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión /  Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión /  Cambiar )

Conectando a %s